Newsletter Indique
ÁREA DO CLIENTE

Login:

Senha:

Esqueci a senha
Utilitários

O SONHO DE SER EMPRESÁRIO


Confira 10 dicas de um especialista para quem tem planos de se tornar um empresário

Contador

Antes de começar a operação, a dica é contratar um bom contador. É importante contratar um profissional capacitado, pedir indicação, pesquisar na web e até entrar em contato com o órgão de classe, no caso, o Conselho Regional de Contabilidade (CRC). O empresário também pode visitar o escritório para conhecer a estrutura do contador e entrar em contato com outros clientes para discutir a qualidade dos serviços. "Hoje o cenário está mudando, e os empresários passam a enxergar o contador como um gestor, como parceiro e não como um processador de informação", diz Piccolo.

Escolha adequada do regime tributário

O empresário deve fazer a escolha adequada do regime tributário da operação, entre lucro real, lucro presumido e Simples Nacional. Uma escolha errada vai resultar no pagamento de mais impostos.

Conhecimento

De nada adianta ter um bom contador se o empresário não sabe fazer a leitura mínima de um balanço. É importante ter, pelo menos, um conhecimento básico de finanças. "A quantidade de obrigações fiscais é absurda. É importante ter um mínimo de conhecimento, senão o empresário pode ser facilmente enganado", aconselha Piccolo.

Impostos

Nunca deixe de pagar os impostos. Com o nome sujo, a empresa não vai conseguir bons clientes, e não conseguirá crédito nas instituições financeiras.

Orçamento

É importante ter um orçamento, conhecer as despesas, receitas e impostos. "Em muitos casos, a empresa começa a operar e começa a faltar dinheiro porque o empresário não fez um orçamento. E o imposto é a primeira coisa que ele deixa de pagar", diz o consultor.

Controle

Ter a gestão dos controles internos para visualizar toda a operação para evitar prejuízos e visualizar oportunidades.

Escolha do sócio

A abertura de uma empresa pode ser feita individualmente ou em sociedade. Isso vai depender do perfil do empresário e do dinheiro disponível. Caso a escolha seja pela sociedade, a recomendação é selecionar alguém de confiança, não necessariamente um amigo. Antes de firmar a sociedade, é preciso esclarecer as responsabilidades, expectativas e divisão do lucro para cada uma das partes.

Colaboradores

Atenção ao quadro de funcionários. Empregar pessoas da família requer cuidado redobrado. O empresário não pode deixar a relação familiar interferir nos negócios. A recomendação é para contratar profissionais capacitados para as áreas-chave da empresa e não só porque é parente.

Disposição

O empresário precisa ter consciência que vai precisar atuar em tempo integral, pelo menos, até os negócios tomarem um rumo. "Tem aquele ditado: quem engorda o boi é o olho do dono", lembra Piccolo.

Atendimento

O empresário não pode se esquecer do relacionamento com o cliente. É importante priorizar um bom atendimento e treinar os funcionários. É por meio dos consumidores que o empresário vai saber o que é preciso melhorar e qual a demanda.

Fonte: Estadão

« Voltar

ÚLTIMOS ARTIGOS

5 TEMAS PARA TIRAR DO PAPEL E SE TORNAR UM EMPREENDEDOR DE ALTO I...

Cuidados com uso de redes sociais...

OS PERIGOS DE SE CONTRATAR UM FALSO CONTADOR...

MARKETING DIGITAL: CINCO ESTRATÉGIAS PARA AUMENTAR OS RESULTADOS ...

IRPF 2017| 10 DICAS PARA SAIR DAS GARRAS DO LEÃO...

SIMPLES NACIONAL – LOCAÇÃO DE BENS IMÓVEIS PRÓPRIOS...

MOTIVOS CAMPEÕES EM RECLAMAÇÕES TRABALHISTAS...

6 TÁTICAS INFALÍVEIS PARA FIDELIZAR CLIENTES...

TÉRMINO DO CONTRATO DE EXPERIÊNCIA...

COMO O LÍDER DEVE LIDAR COM A DEMISSÃO DO SEU MELHOR FUNCIONÁRIO?...